quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Pensamentos...

...sonho contente com as minhas estrelas!





Sonho com estrelas

Estrelas, eu gosto de sonhar olhando-as
imaginando que uma delas seja um alguém.
Eu sorrindo como se as estivesse vendo,
pensando que me estão a olhar também.

Sinto o calor que vem daquele Céu azul
de fofas nuvens brancas e esfumadas
que na sua transparência me deixam ver
as pessoas queridas, amigas e amadas.

Distingo-as uma a uma e revejo cada face.
Estão felizes, flutuando leves como pétalas
e eu estendo os braços como num enlace.

Sinto-me bem comigo, olho terna para elas
como se fosse a família ida, toda me acenando
e sonho contente com as minhas estrelas!


quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

...Seja o amor como a vaga ao vago intento...














SONETO PURO

Fique o amor onde está; seu movimento
nas equações marítimas se inspire
para que, feito o mar, não se retire
de verdes áreas de seu vão lamento.

Seja o amor como a vaga ao vago intento
de ser colhida em mãos; nela se mire
e, fiel ao seu fulcro, não admire
as enganosas rotações do vento.

Como o centro de tudo, não se afaste
da razão de si mesmo, e se contente
em luzir para o lume que o ensolara.

Seja o amor como o tempo – não se gaste
e, se gasto, renasça, noite clara
que acolhe a treva, e é clara novamente.

Sobre o amor

PECULIARIDADES DO VERDADEIRO AMOR

O amor é um sentimento benéfico, positivo e nunca deveria ser associado com mentiras, falta de respeito ou sofrimento. O verdadeiro amor tem que ser puro, genuíno, leal e sincero, se faltar pelo menos um desses itens é por não estamos falando do mesmo sentimento.

De vez em quando ouvimos alguém justificando um ato desrespeitoso contra o companheiro, através de um amor tido como verdadeiro, forte, descrito até como maior que qualquer outro. Mas como é possível o amor ocasionar dor, mágoa ou tristeza? Acho que não estamos falando do mesmo sentimento.

O verdadeiro amor não vem acompanhado de maus sentimentos, e sim de carinhos, dedicação companheirismo, envolvimento e muito afeto. A partir do momento que surge algum descontentamento é porque não estamos falando do mesmo sentimento.

O amor verdadeiro não deve ser alvo de justificativas infundadas, ainda existem muitas pessoas por aí a desfrutá-lo associado a muitos sorrisos e momentos de felicidade. Se houver boas sensações, paixão, consideração, amizade e apreço, aí sim estamos falando do mesmo sentimento.

...para o mar duma só consciência...






















Paz

Irreprimível natureza
exacta medida do sem-fim
não atinjas outras distâncias
que existem dentro de mim.

Que os meus outros rostos não sejam
o instável pretexto da minha essência.
Possam meus rios confluir


Quero que suba à minha fronte
a serenidade desta condição:
harmonia exterior à estátua
que sabe que não tem coração.

Natália Correia, in "Poemas (1955)"


...Beijos de amor que vão de boca em boca...















Para quê?!

Tudo é vaidade neste mundo vão…
Tudo é tristeza, tudo é pó, é nada!
E mal desponta em nós a madrugada,
Vem logo a noite encher o coração!

Até o amor nos mente, esta canção
Que o nosso peito ri à gargalhada,
Flor que é nascida e logo desfolhada,
Pétalas que se pisam pelo chão!…

Beijos de amor! Pra quê?! … Tristes vaidades!
Sonhos que logo são realidades,
Que nos deixam a alma como morta!

Só neles acredita quem é louca!
Beijos de amor que vão de boca em boca,
Como pobres que vão de porta em porta!…

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

...em seus braços, segurando sua pequena mãozinha...



Imensurável amor sentir-se pai
Maior amor ser-se mãe,
porque nasceu do seu ventre
o milagre da vida...
a lua agora tem mais luz
o sol mais calor
a vida...outro sabor!
E ri-se
e chora-se de alegria!
Divina benção de Deus...
Linda
frágil e doce bébé...
que acarinha
alimenta
banha
beija
e sossega!

Adormece assim em seus braços
segurando sua pequena mãozinha...
seu pequeno corpinho
que sente e toca
e cheira...
e descobre...
e descobre...
mais pureza e perfeição!

E é tanto o amor
que explode de emoção!
...Porque não cabe todo
no seu coração!

(Minha autoria)



'' Fizeste-me ver a claridade do mundo e a possibilidade da
alegria. Tornaste-me indestrutível, porque, graças a ti, não termino em mim mesmo (a). ''

Pablo Neruda















...celestial, eterno amor sem idade!



Se pudesse trazer a LUA
para teu rosto iluminar
seria minha, também tua
soltando-se o verbo amar

É tão doce, brando, cristal
irradia felicidade
e sereno... celestial
eterno amor sem idade!











sábado, 3 de setembro de 2016

Pureza

Adorei a frase
que o Mundo se revista de pureza




...arrancares do meu peito tão grande amor...



Perder-te é tão só e simplesmente
arrancares do meu peito tão grande amor
meu sangue escorre em ferro quente
antes a morte que tanta dôr!

Ai se pudesse então voltar atrás
pungir-me do óleo da pureza
amor que foi que agora jáz...
não tinha agora esta tristeza!